IRPF 2022: Contribuinte deve considerar deduções legais antes de optar pelo modelo simplificado ou completo

Muitos contribuintes têm dúvidas quanto ao modelo mais indicado para a declaração do Imposto de Renda: o completo ou o simplificado. O gerente de Contabilidade da IRTrade Assessoria Tributária, Wesley Beneventi, explica que a diferença entre os modelos está na relação do abatimento sobre os rendimentos tributários. “Para quem tem poucas despesas a deduzir, é indicada a declaração simplificada. Este modelo considera um desconto padrão de 20% sobre a base de cálculo do imposto, limitado a R$ 16.754,34. Já aqueles contribuintes que apresentam muitos gastos a deduzir, despesas com educação e saúde, a declaração completa é a mais indicada”, resume. 

Para escolher a opção mais vantajosa, aquela que vai resultar no menor imposto a pagar ou na maior restituição a receber, o contribuinte deve considerar os seus rendimentos, as despesas e os limites legais de dedução, bem como o número de dependentes. Por exemplo, gastos devidamente comprovados com saúde, educação e previdência privada podem ser deduzidos no Imposto de Renda. 

Uma dica interessante do gerente de Contabilidade é que o contribuinte simule a prestação de contas nos dois modelos e forneça o máximo de dados que puder. “O ideal é preencher integralmente todas as informações relativas aos rendimentos e às despesas que podem ser deduzidas. O próprio sistema fornece uma demonstração ao contribuinte, indicando o imposto a pagar ou valor a receber”. 

Só declare o que puder comprovar

Ao optar pelo modelo completo, o contribuinte deve estar ciente de que precisa comprovar todas as informações fornecidas. Nenhum documento precisa ser anexado à prestação de contas, mas em caso de contestação por parte da Receita Federal, é importante ter os meios necessários para atestar o que foi informado.  

No caso do modelo simplificado, o imposto recolhido ao longo do período fiscal, seja a partir do carnê-leão ou a parcela retida na fonte, precisa ser informado. Este valor será deduzido do cálculo final do Imposto de Renda a ser pago. 

Não se esqueça de nada! 

Para facilitar a organização dos documentos necessários à declaração do Imposto de Renda, a equipe da IRTrade fez um checklist para que você não se esqueça de nada! Se precisar de ajuda profissional, entre em contato com o nosso assistente virtual, o Pacioli, no WhatsApp: (43) 98815-4800, e conheça os nossos serviços.

compartilhar

Cadastro concluído com sucesso!

Aguarde: em breve um de nossos especialistas entrará em contato.

Voltar para home

Por gentileza verifique os campos
destacados em vermelho

Tentar novamente